NOTÍCIAS

In:

Projeto do Hospital da Mulher é apresentado a gestores públicos

Por Redação com Agência Alagoas
Hospital da Mulher está em construção em Maceió e deve ser entregue em julho deste ano.  Carla Cleto

Hospital da Mulher está em construção em Maceió e deve ser entregue em julho deste ano. Carla Cleto

Gestores participaram, nesta sexta-feira (13), da apresentação do andamento da obra de construção do Hospital da Mulher, na Avenida Comendador Leão, no bairro Poço, em Maceió, previsto para ser entregue em julho deste ano. Com 74.22% da obra executada, a unidade hospitalar, orçada em R$ 28 milhões, irá garantir maior conforto, segurança e um melhor atendimento às mulheres alagoanas, principalmente as gestantes de risco habitual.

Durante a apresentação, o secretário executivo de Gestão Interna da Sesau, Delano Sobral Rolim, disse que “o Hospital da Mulher é uma obra inovadora, que vai beneficiar as mulheres alagoanas, inclusive as gestantes com gravidez de baixo risco, que poderão ter seus filhos com mais dignidade”, ressaltou.

No decorrer da apresentação do projeto, o secretário executivo de Ações de Saúde, Paulo Teixeira, enfatizou que a obra faz parte das prioridades Governo de Alagoas, que vem para assegurar uma nova estrutura materno e infantil no Estado. “A construção deste novo hospital será de enorme importância para levar um tratamento digno às mulheres alagoanas”, destacou.

Projeto do hospital da mulher é apresentado a gestores  (Carla Cleto)

De acordo com o superintendente de Atenção à Saúde da Sesau, José Medeiros, o Hospital da Mulher é um sonho para as alagoanas, visto que o equipamento vai muito além de uma maternidade. “O fundamental é que vamos garantir leitos suficientes para que as mulheres possam ter um parto humanizado, num patamar de tecnologia que as satisfaçam, tranquilizando-as para terem seus bebês com total segurança”, frisou.

José Medeiros informou que a nova unidade hospitalar irá contar com 68 leitos de obstetrícia e 28 de gine obstetrícia. “As gestantes também vão fazer diversos tipos de cirurgia no campo ginecológico, haja vista que o acesso a esse serviço necessita ser ampliado”, afirmou.

O secretário de Estado da Ciência, Tecnologia e Inovação, Rogério Pinheiro, frisou que a construção de todo o hospital é fundamental no processo de desenvolvimento atual do Brasil. “Como temos um contingente da sociedade muito alto com doenças crônicas, a exemplo da hipertensão e diabetes, é importante aumentar os espaços de atendimento aos usuários dos SUS [Sistema Único de Saúde]. A construção desse hospital vai dar um suporte maior à saúde das mulheres alagoanas”, destacou.

Projeto do hospital da mulher é apresentado a gestores  (Carla Cleto)

Estrutura – Conforme o assessor de Engenharia da Sesau, Guilherme Soares, o Hospital da Mulher irá contar com 127 leitos, que estarão divididos em enfermarias, Centro de Parto Normal, Unidades de Cuidados Intermediários (UCI) e serviço de odontologia.

Quando estiver em funcionamento, o equipamento de saúde terá capacidade para realizar 1.500 atendimentos por mês, nas especialidades médicas de obstetrícia, ginecologia (geral, climatério, Infanto-puberal e colposcopia), neonatologia, infectologia, cardiologia, mastologia, endocrinologia, uroginecologia, reumatologia e dermatologia.

A unidade também irá contar com farmácia, ouvidoria, salas de vacina, de coleta de exames laboratoriais e de curativos, bancos de leite humano, serviço de assistência ao climatério, ginecologia infanto-puberal, serviço de pré-natal de alto risco, serviço de planejamento familiar e uma agência transfusional. O pavimento térreo será destinado aos ambulatórios, exames laboratoriais, mamografia e raios-X, enquanto o primeiro e segundo andares serão destinados para o estacionamento, com capacidade para até 70 veículos.

Testes – O Hospital da Mulher irá garantir também a realização de testes do olhinho, pezinho e orelhinha para todos os bebês que nascerem na unidade. Caso tenham alguma doença, os pequenos já sairão com o diagnóstico, aumentando as chances de cura, em razão da detecção precoce da anormalidade.

Compartilhe:
Tags: ,

Comente no Facebook

Comente

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>

WP Facebook Auto Publish Powered By : XYZScripts.com