NOTÍCIAS

In:

Parlamentares e representantes de órgãos fiscalizadores visitarão unidades do Sesi e Senai

Por Redação com Comunicação Sistema Fiea

Convite

Parlamentares e representantes de órgãos de fiscalização visitarão, nesta sexta-feira, 8, unidades do Serviço Social da Indústria (Sesi) e do Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial (Senai) em todas as capitais do País. O objetivo da visita é mostrar aos representantes da sociedade, de forma transparente, o papel relevante que as entidades do Sistema Indústria exercem na oferta de educação de qualidade e desenvolvimento tecnológico da indústria.

Em Alagoas, o presidente da Federação das Indústrias (Fiea), José Carlos Lyra de Andrade, receberá integrantes das bancada federal (deputados e senadores) e estadual, além de secretários de Estado, representantes dos poderes públicos e da sociedade civil, e demais convidados. Acompanhado de diretores e gestores da Federação das Indústrias, do Sesi e do Senai, Lyra fará uma exposição de todas as atividades desenvolvidas pelo sistema em favor do desenvolvimento econômico e social de Alagoas.

O evento mostrará unidades de educação e tecnologia em funcionamento. As autoridades poderão conversar com alunos, familiares e empresários, sobre a importância dessas instituições para suas vidas e para o Brasil. “Não há dúvidas na sociedade brasileira e alagoana, nem nos milhares de profissionais beneficiados, sobre a importância do Sesi e do Senai”, afirmou José Carlos Lyra, lembrando que há mais de 70 anos essas duas instituições contribuem efetivamente com o desenvolvimento socioeconômico do País.

As entidades do Sistema Indústria, acrescentou o presidente da Fiea, atuam com eficiência e transparência, ofertando educação de qualidade e atuando de forma incontestável no desenvolvimento tecnológico da indústria nacional.

Essas entidades, que estão presentes em 2,7 mil municípios brasileiros, têm avaliação positiva da população. De acordo com pesquisa Ibope de setembro do ano passado, 92% dos brasileiros aprovam a atuação do Senai. Esse índice é de 89% para o Sesi. Segundo Lucchesi, o Brasil não teria feito a revolução industrial que fez no século 20, com inclusão social, sem o amplo apoio dessas instituições. “Atualmente, o Sesi e o Senai são imprescindíveis para o enfrentamento dos desafios da quarta revolução industrial, que já está em curso e exige a constante adequação de empresas e trabalhadores às novas tecnologias e a mercados cada vez mais competitivos”, disse Rafael Lucchesi, diretor-superintendente do Sesi e diretor-geral do Senai,

Atualmente, há 25 Institutos Senai de Inovação, 57 Institutos Senai de Tecnologia e oito Centros de Inovação do Sesi, que apoiam empresas no desenvolvimento de soluções para a Indústria 4.0. Só o Senai realiza anualmente mais de 1,3 milhão de ensaios laboratoriais e atende a quase 20 mil empresas em serviços técnicos e tecnológicos.

EDUCAÇÃO – Maior complexo de educação profissional e serviços tecnológicos das Américas, o Senai formou, ao longo de sua história, mais de 73 milhões de trabalhadores. Anualmente, a entidade realiza mais de 2,3 milhões de matrículas na educação profissional. Reconhecida pela excelência de seu processo educacional, a instituição conquistou, em 2015, o primeiro lugar e, em 2017, a segunda posição na Worldskills, a maior competição de profissões técnicas do mundo. Equipes do Senai ficaram à frente de equipes da Coreia do Sul, Suíça, Alemanha, Estados Unidos, Japão e França nesta que é considerada a maior competição internacional de educação profissional.

O SESI está entre as instituições com melhor desempenho no Sistema de Avaliação da Educação Básica (Saeb), conhecido como Prova Brasil, de acordo com estudos dos especialistas Fernando Abrucio, da Fundação Getúlio Vargas (FGV), Naércio Menezes, do Insper, e Rubem Klein, consultor da Fundação Cesgranrio. Anualmente, a instituição beneficia mais de 1,2 milhão de pessoas em educação básica, continuada e em ações educativas e mais de 4 milhões de pessoas com serviços de segurança e saúde no trabalho. Recentemente, equipes de alunos do Sesi foram campeões no Torneio Mundial de Robótica, realizado nos Estados Unidos, com participação de equipes de 60 países.

Essas instituições, que passam por várias auditorias e fiscalizações, são consideradas referências por órgãos fiscalizadores, como o Tribunal de Contas da União (TCU) e a Controladoria-Geral da União (CGU), pela forma transparente e clara que disponibilizam dados e informações para a população.
TRANSPARÊNCIA – Informações sobre a gestão do Sesi e do Senai estão disponíveis para toda sociedade nos sites de Transparência por meio dos links: www.portaldaindustria.com.br/sesi/canais/transparencia e www.portaldaindustria.com.br/senai/canais/transparencia. Nessas páginas, hospedadas nos sites das instituições, estão publicados dados sobre orçamentos, balanços contábeis, pareceres de auditores independentes, licitações, editais, relatórios de atividades e a infraestrutura existente, entre outros.

NÚMEROS ALAGOAS
SENAI
31.690 matrículas em Educação Profissional em 2017
3.202 atendimentos em Serviço de Tecnologia e Inovação em 2017
363 recursos humanos – 335 colaboradores e 28 estagiários
5 unidades operacionais em Alagoas
1 unidade móvel
SESI
1.924 matrículas em educação básica e educação de jovens e adultos em 2017
30.306 matrículas em cursos e palestras em 2017
121.201 exames e procedimentos odontológicos em 2017
36.128 consultas em 2017
15.672 trabalhadores beneficiados em Saúde e Segurança no Trabalho em 2017
64.582 trabalhadores beneficiados em soluções de promoção da saúde em 2017
5 unidades fixas de atendimento
11 unidades móveis
594 colaboradores (413 próprios, 72 terceirizados e 109 estagiários)
NÚMEROS NACIONAIS 
SENAI
73,7 milhões de alunos formados desde 1942
541 unidades fixas e 452 unidades móveis, sendo 2 barcos escola
25 Institutos SENAI de Inovação
57 Institutos SENAI de Tecnologia
Em 2017:
2,3 milhões de matrículas na educação profissional
Mais de 20 mil indústrias atendidas
1,3 milhão de ensaios laboratoriais realizados
SESI
505 escolas
114 unidades fixas e 539 unidades móveis para atendimentos de saúde
8 Centros de Inovação para desenvolvimento de tecnologias voltadas à segurança e saúde no trabalho
Em 2017:
Mais de 1,2 milhão de pessoas matriculadas em educação básica, continuada e em ações educativas
50 mil indústrias atendidas
4 milhões de pessoas beneficiadas com serviços de segurança e saúde no trabalho
2 milhões de pessoas atendidas em ações de promoção da saúde
3,9 milhões de participantes e expectadores em eventos culturais em 2017
1,8 milhão de atendimentos prestados em ações comunitárias
Compartilhe:

Comente no Facebook

Comente

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>

WP Facebook Auto Publish Powered By : XYZScripts.com